Bispos oferecem subsídio para celebrar Corpus Christi em casa

O Departamento de Liturgia da Conferência Episcopal da Colômbia (CEC) publicou um subsídio para a solenidade do Corpus Christi como “apoio para a preparação e celebração” desta data especial em família.

A CEC indicou que neste dia 6 de junho a Igreja na Colômbia celebra “a solenidade do corpo e do sangue santíssimos de Cristo, que tem como finalidade proclamar a fé na presença real de Jesus Cristo na Eucaristia”.

A solenidade do Corpus Christi é celebrada na quinta-feira seguinte à solenidade da Santíssima Trindade, que este ano acontece no dia 3 de junho, mas algumas igrejas locais transferem a festa para o sábado ou domingo mais próximo por uma questão pastoral.

O subsídio “Celebremos o Domingo em família” oferece um esquema para celebrar o Corpus Christi por meio da Liturgia da palavra e viver esta solenidade em casa.

No documento, o Departamento de Liturgia pede aos fiéis que, para a celebração, preparem um “pequeno altar com sua toalha de mesa para colocar ali com respeito e devoção a Sagrada Bíblia, o crucifixo, um arranjo floral e uma veladora que deve ser acesa com cautela e segurança”.

“Quem dirige a celebração, os leitores e o salmista devem ensaiar convenientemente os respectivos textos a serem proclamados ou cantados na celebração familiar”, acrescenta.

Além disso, sugere que para” compartilhar em família a alegria da celebração da solenidade do corpo e sangue santíssimos de Cristo “se pode organizar uma”refeição especial para compartilhar todos unidos em família”.

O Departamento de Liturgia também encoraja a “telefonar para parentes ou pessoas que, na sequência da pandemia que estamos vivendo, experimentam solidão e abandono” e a “compartilhar um mercado [mantimentos] com uma família que sofre pela falta de alimentos para subsistir com dignidade”.

Juntamente com o subsídio para as famílias, é fornecido um documento especial para as paróquias que celebrarão esta solenidade com a presença de fiéis, onde “se oferece um esquema para a celebração da Missa”, a Procissão eucarística dentro da Igreja e a bênção eucarística.

“Recordemos que nesta solenidade se celebra, se adora e se dá graças pelas maravilhas de Deus operadas através da Eucaristia, onde Cristo brinda seu corpo e seu sangue como alimento espiritual”, indicou a CEC.

Leave Comment

O seu endereço de email não será publicado.